Os 3 melhores títulos de Eusébio de Cesaréia de todos os tempos.

Quer saber qual o melhor livro de Eusébio de Cesaréia?

MelhoresLivros.online tem organizado, com base em satisfação do leitor, a lista mais recente dos livros de Eusébio de Cesaréia bestsellers de todos os tempos.

🏆 Aqui está a classificação dos mais vendidos:

Bestseller No. 1
História Eclesiástica
  • de Cesareia, Eusébio (Author)
Bestseller No. 2
Vida de Constantino (Livro I): Biografia: 1
  • Eusébio De Cesaréia (Author)
  • 102 Pages - 08/06/2019 (Publication Date) - Clube de Autores (Publisher)
Bestseller No. 3
História eclesiástica de Eusébio de Cesaréia com comentários: cristianismo
  • Escriba De Cristo (Author)
  • 388 Pages - 02/12/2019 (Publication Date) - Clube de Autores (Publisher)

Esta escolha se baseia sobre os livros de Eusébio de Cesaréia mais adquiridos do mercado no último mês.

💲 Livros em desconto

Bestseller No. 1
História Eclesiástica
  • de Cesareia, Eusébio (Author)
Bestseller No. 2
Vida de Constantino (Livro I): Biografia: 1
  • Eusébio De Cesaréia (Author)
  • 102 Pages - 08/06/2019 (Publication Date) - Clube de Autores (Publisher)
Bestseller No. 3
História eclesiástica de Eusébio de Cesaréia com comentários: cristianismo
  • Escriba De Cristo (Author)
  • 388 Pages - 02/12/2019 (Publication Date) - Clube de Autores (Publisher)

🥇 O melhor

Apesar de existirem diversos quesitos para a seleção do melhor livro de Eusébio de Cesaréia, segundo nossa opinião, História Eclesiástica ao preço de R$ 25,11 nos revela ser o melhor livro entre todos os outros.

O melhor
História Eclesiástica
  • de Cesareia, Eusébio (Author)

📚 Aprofundamento sobre Eusébio de Cesaréia

Eusébio de Cesareia (ca. 265 — Cesareia Marítima, 30 de maio de 339) (chamado também de Eusebius Pamphili, “Eusébio amigo de Pânfilo”) foi bispo de Cesareia e é referido como o pai da história da Igreja porque nos seus escritos estão os primeiros relatos quanto à história complete cristianismo primitivo. O seu nome está ligado a uma crença curiosa sobre uma suposta correspondência entre o rei de Edessa, Abgar e Jesus Cristo. Eusébio teria encontrado as cartas e, inclusive, as copiado para a sua História Eclesiástica.

Outras sugestões: